ONEESP

Observatório Nacional de Educação Especial (ONEESP)

O Observatório Nacional de Educação Especial – ONEESP, coordenado pela professora Enicéia Gonçalves Mendes, da Universidade Federal de São Carlos/SP, tem como foco de produção os estudos integrados sobre políticas e práticas direcionadas para a questão da inclusão escolar na realidade brasileira.
Para tanto, as equipes, formadas por professores/pesquisadores de instituições públicas e privadas brasileiras, realizaram uma pesquisa inaugural denominada  Observatório Nacional de Educação Especial: Estudo em Rede Nacional sobre as Salas de Recursos Multifuncionais das Escolas Comuns, visando uma avaliação de âmbito nacional do programa de implantação de “Salas de Recursos Multifuncionais” (SRM), promovido pela Secretaria de Educação Especial/MEC, atualmente anexada à Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização, Diversidade e Inclusão (SECADI) do MEC, que tem como um dos objetivos contribuir para a promoção da educação inclusiva.

O estudo realizado em vários Estados brasileiros, dentre eles, o Espírito Santo, envolveu vários professores de educação especial que atuam em salas de recursos multifuncionais. Esses profissionais se reuniram, periodicamente, para discussão de três eixos temáticos, a saber: formação de professores; avaliação para: identificação, dignóstico e apoio e a organização do atendimento educacional especializado ao público-alvo da educação especial na escola regular.

No Estado do Espírito Santo, foram constituídos 11 encontros por município, abrangendo dez redes municipais de ensino. Cinco localizadas na região metropolitana da Grande Vitória (Vitoria, Serra, Vila Velha, Cariacica, Guarapari) e as demais na região norte do Estado (Nova Venécia, São Mateus, Linhares, Sooretama e Rio Bananal), envolvendo 139 professores de Educação Especial que atuam em salas de recursos multifuncionais. Na região metropolitana, o estudo se desenvolveu de março a dezembro de 2012 e, na região norte, de dezembro de 2011 a dezembro de 2012.

O estudo se organizou por meio de grupos focais, e os encontros realizados na região metropolitana aconteceram no Programa de Pós-Graduação em Educação, da Universidade Federal do Espírito Santo, enquanto os da região norte foram realizados no Centro Universitário do Norte do Espírito Santo (CEUNES) e, em alguns momentos, nas sedes das Secretarias Municipais de Educação.

Dois grupos de pesquisas estiveram envolvidos na pesquisa do Oneesp no Espírito Santo. Um dos grupos é o de pesquisa em Infância, Cultura, Inclusão e Subjetividade e o outro de Educação Especial: formação de profissionais, práticas pedagógicas e políticas de inclusão escolar, proporcionando uma interface entre os grupos de pesquisa para a realização de uma pesquisa em REDE com outros pesquisadores de diferentes instituições brasileiras de ensino superior.  

Para realização, acompanhamento e avaliação das ações da pesquisa do ONEESP no nosso Estado, os membros dos dois grupos de pesquisa envolvidos criaram o Observatório Estadual de Educação Especial (OEEES), coordenado pela Prof.ª Dr.ª Denise Meyrelles de Jesus, com sede no Núcleo de Ensino, Pesquisa e Extensão em Educação Especial (NEESP).

Clique no link abaixo para acessar o site da ONEESP
www.oneesp.ufscar.br/